Sistema Eletrônico de Administração de Conferências ANCIB, XXII ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

Tamanho da fonte: 
O PAPEL DA CIÊNCIA NO COMPARTILHAMENTO DE INFORMAÇÕES SOBRE REALIDADES PERIFÉRICAS: EM FOCO A BIBLIOTECA PRISIONAL
Adriana Isidório da Silva Zamite, Maira Cristina Grigoleto, Lucileide Andrade de Lima do Nascimento

Última alteração: 2022-12-08

Resumo


Evidencia o papel da ciência no compartilhamento de informações acerca de usos efetivos da biblioteca prisional como espaço de interação, conhecimento e cultura. Em paralelo, salienta os documentos produzidos pelo sistema prisional, com categorias sistematizadas, para divulgar práticas socioeducativas e culturais realizadas nessas unidades. Argumenta que as bibliotecas prisionais e respectivas ações têm recebido atenção crescente em estudos brasileiros no campo da Ciência da Informação, proporcionando a circulação de informação a respeito desse dispositivo (trans) formador. Descreve resultados de estudo exploratório-descritivo, de abordagem qualitativa, operacionalizado por pesquisas bibliográfica e documental realizadas no Catálogo de Teses e Dissertações da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior e em sites do Departamento Penitenciário Nacional e do Ministério da Justiça com objetivo de demonstrar a importância das ações de mediação desenvolvidas em bibliotecas prisionais para o atendimento de reeducandos e também discutir como os canais oficiais do sistema prisional divulgam as informações sobre a realidade das atividades educativas. Como resultado constata que os documentos produzidos e divulgados pelo sistema prisional são imprecisos na representação de atividades socioeducativas e culturais, principalmente, na indicação do envolvimento das bibliotecas em planejamento, parcerias ou execução. Estima, com a análise realizada, a promoção de debates direcionados à opacidade ou ausência de dados relativos às atividades educativas de leitura nas bibliotecas prisionais e da urgência na observância das responsabilidades profissionais e éticas para a execução de procedimentos em benefício dos reeducandos.

Palavras-chave


Biblioteca prisional; Sistema prisional; Mediação da informação.

Texto completo: PDF