Sistema Eletrônico de Administração de Conferências ANCIB, XXII ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

Tamanho da fonte: 
PROPOSTA DE MATRIZ DE DESENVOLVIMENTO BASEADA NA COMPETÊNCIA EM INFORMAÇÃO PARA AS ATIVIDADES MUSEOLÓGICAS
Cláudia Maria Alves Vilhena, Célia Consolação Dias

Última alteração: 2022-12-08

Resumo


A informação nos museus está presente em todas as ações que perpassam a cadeia museológica. Em razão disso, surgem as necessidades de informação durante a prática diária do trabalho. Logo, o artigo tem, como problema de pesquisa, o modo como os profissionais de museus minimizariam suas necessidades de informação. Por esse motivo, este estudo tem como objetivo apresentar uma matriz de desenvolvimento baseada na competência em informação como contribuinte para o exercício das atividades museológicas. A metodologia parte de uma revisão de literatura dos termos necessidade de informação, cadeia operatória museológica e competência em informação, seguida da criação e apresentação de um modelo de matriz de competência em informação para o desenvolvimento das ações museológicas institucionalizadas e carregadas de informação. Os achados da pesquisa, entre outros aspectos, observaram que a prática diária do trabalho nos museus está diretamente ligada ao uso ético e responsável da informação por toda a equipe de trabalhadores dos museus (direção e funcionários), o que reverbera em um saber fazer, saber envolver-se, saber agir e reagir e, por último em um saber aprender a aprender. Em razão disso, vislumbra-se a importância de um clima organizacional favorável ao desenvolvimento do conhecimento coletivo e continuado nos espaços museais. Como conclusão, a pesquisa identificou que a utilização do modelo genuíno de competência em informação usado na matriz e que é apresentado neste estudo não é único, inflexível, permanente e fechado em si mesmo. A matriz, para ser elaborada, deve sempre atender às necessidades de informação da equipe, bem como da própria instituição museal. Para tal, faz-se necessária a aplicação de diagnósticos como ponto de partida, com o intuito de examinar a real situação de cada museu.

Palavras-chave


Cadeia operatória museológica; Necessidade de informação de trabalhadores de museus; Modelo de matriz de competência em informação

Texto completo: PDF