Sistema Eletrônico de Administração de Conferências ANCIB, XXI Encontro Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação

Tamanho da fonte: 
A INFORMAÇÃO SENSÍVEL NO SERVIÇO DE PRONTUÁRIO DO PACIENTE
ÉVELIN COSTA DOS SANTOS, Margarete Farias de Moraes, Francisco José Aragão Pedroza Cunha

Última alteração: 2021-12-07

Resumo


Esta comunicação apresenta resultados de uma pesquisa que teve como objetivo verificar aimplementação de normas e procedimentos para a proteção da informação sensível em saúde noServiço de Prontuário do Paciente de Instituições de Saúde universitárias. A pesquisa é quantiqualitativa;bibliográfica, documental, de levantamento e de campo; aplicada; exploratória e descritivaquanto ao objetivo. Utilizou-se de questionário e entrevista in loco aos funcionários e aos responsáveispelo Serviço de Prontuário do Paciente, respectivamente, em três Instituições de Saúde. As técnicasaplicadas foram a Estatística Descritiva e a Análise de Conteúdo por meio da categoria intitulada‘proteção da informação sensível’ e de dois núcleos de sentido: ‘normas e procedimentos paraproteção da informação sensível em saúde’; e, ‘atuação da Comissão de Revisão de Prontuários’. Osresultados empíricos apontam que as normas e os procedimentos internos prevalecemfundamentados na rotina dos Serviços de Prontuário do Paciente e carecem das legislações voltadasaos arquivos e aos dados em saúde. Infere-se que a proteção da informação sensível em saúde nasinstituições da amostra é dependente da gestão dos Serviços de Prontuário do Paciente para assegurara confidencialidade e o sigilo dos dados e informações registrados no Prontuário do Paciente. Concluiuseque há necessidade da valorização da gestão de documentos nos Serviços de Prontuário do Pacientedas Instituições e recomenda-se a reestruturação deste setor por meio de estratégias de qualificaçãodos recursos humanos para o tratamento dos registros das informações sensíveis do paciente.Palavras-Chave: dados sensíveis; informação em saúde; prontuário do paciente; confidencialidade da

Texto completo: PDF